Maciel e Motta tentam audiência no Ministério da Saúde para liberação de recursos atrasados do CAPS e RT

 

 

Durante a viagem que fez a Brasília nesta semana, o prefeito Maciel Corpa foi ao encontro do deputado federal Luiz Carlos Motta para unirem forças e solicitar que marque uma audiência no Ministério da Saúde para tratarem sobre a liberação de recursos que estariam atrasados para a manutenção do CAPS (Centro de Atendimento Psicossocial) e da RT (residência Terapêutica).

A iniciativa do chefe do executivo pacaembuense se justifica pela dificuldade que o Município enfrenta para manter os gastos mensais dos atendimentos nos dois programas, o que inclusive tem comprometido a área financeira da Prefeitura.

“Ao longo desses três anos de funcionamento do CAPS e da RT a Prefeitura já arcou com cerca de R$ 3 milhões, afinal, são mais de R$ 100 mil por mês para garantir o atendimento. Se sobrar só para nós (município), a situação vai ficar insustentável. Precisamos da ajuda do Ministério da Saúde, urgente”, declarou Maciel.

Os programas foram implantados em Pacaembu no ano de 2017, após exigência da Procuradoria Federal, com a afirmação de que a União repassaria recursos para mantê-los, o que não aconteceu até hoje.

 

https://scontent.fbau1-1.fna.fbcdn.net/v/t1.0-9/69082043_526803058125390_1342841153094942720_o.jpg?_nc_cat=101&_nc_eui2=AeG-vL_X77kkzITMnbXBs535kKuPQJuQno0qsV_yx56WdDlluKWDcA0BFzVONjNjl4mG-BsXws7fexvPvig3CyIOGwau6LfMDHQqOBRRm6NYeg&_nc_oc=AQkWLmOqvO8ZDCsA4EVN5tggYV5dkRFZvTteDDpllvac0kuydpNLYD9A8ZgoWXUCvp8&_nc_ht=scontent.fbau1-1.fna&oh=7fb5b6dbcd8bc4854b811eed11acd47a&oe=5E6315F3

MAIS NOTICIAS
Carregue mais