Connect with us

Geral

São Paulo tem menos de 15 mil internados por covid pela 1ª vez em 4 meses

Publicado

em

O estado de São Paulo enfim registra menos de 15 mil internados com covid-19, após passar 137 dias com número de pacientes acima desta marca. No final de março, no pico da segunda onda da pandemia, o estado chegou a ter mais de 31 mil pessoas hospitalizadas.

Neste domingo (18), segundo balanço, são 14.364 internações, somando 7.062 em enfermaria e 7.302 em leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva). O dado aponta queda em relação a ontem, quando havia 14.613 internados, sendo 7.241 em leitos clínicos e 7.372 em UTIs.

Indicadores de hospitalização próximos aos verificados neste final de semana, com menos de 15 mil internados, tinham sido registrados pela última vez em 25 de fevereiro, quando havia 14.809 internados (8.042 em enfermarias e 6.767 em UTIs).

Ainda de acordo com o governo paulista, a ocupação dos leitos de UTI também tem caído diariamente. Desde a última quinta-feira (15), a taxa tem se mantido abaixo de 65% no estado e inferior a 60% na Grande São Paulo. Hoje, a ocupação é de 62,5% em São Paulo e de 58,7% na Região Metropolitana.

“As quedas são reflexo do avanço da campanha de vacinação contra covid-19 e das estratégias de prevenção e enfrentamento da doença”, como a obrigatoriedade do uso de máscara e o incentivo ao distanciamento social e à higienização das mãos, completou o governo.

O estado de São Paulo acumula 3.939.632 casos confirmados e 134.803 mortes pela covid-19 desde o início da pandemia. O total inclui 2.783 diagnósticos positivos e 35 óbitos registrados nas últimas 24 horas, além de 17.095 casos e 448 mortes referentes ao balanço de sábado (17), extraídos às 22h de ontem após normalização do servidor.

Entre o total de casos, 3.592.545 tiveram a doença e já estão recuperados, sendo que 415.373 foram internados e receberam alta hospitalar.

Mais Lidas