Connect with us

Geral

Fiocruz: Mortes caem por 3 meses, e UTI de covid tem menor taxa em 14 meses

Publicado

em

A Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz) informou hoje que o Brasil registra queda de casos e óbitos causados pela covid-19 há 12 semanas. A análise também mostra que a taxa de ocupação de leitos de UTI para tratamento da doença está no melhor cenário desde julho de 2020, quando começou o monitoramento.

Os dados foram divulgados no Boletim do Observatório Covid-19, relatório quinzenal da fundação que avalia o cenário da pandemia no país e compara os índices entre os estados.

Em junho, a média diária foi de 2.070 óbitos na semana entre os dias 13 e 19. A partir daí, houve queda gradual. Na semana seguinte (20 a 26 de junho), a média diária foi de 1.700 óbitos. Na análise mais recente, entre 5 e 11 de setembro, a média diária de óbitos foi de 460.

Ainda de acordo com o boletim, esta é a maior queda de óbitos entre uma semana e outra —uma redução de 3,8% por dia. No período anterior, entre 29 de agosto e 4 de setembro, foram registradas 680 mortes por covid por dia. Já a média diária de casos caiu de 24,6 mil para 15,9 mil.

A Fiocruz destaca, em todo o relatório, que o avanço da vacinação tem sido fundamental para conter os índices da doença. Atualmente, 86% da população já recebeu ao menos uma dose da vacina e 47% completou o esquema vacinal.

 

Mais Lidas