Connect with us

Geral

Homem morre atropelado durante obra em rodovia

Publicado

em

Vadson Mendes de Oliveira, 30 anos, morador no bairro Umuarama, em Araçatuba (SP) morreu ao ser atropelado no início da tarde desta sexta-feira (22) na rodovia Marechal Rondon (SP-300), em Guararapes. Ele seria funcionário da empresa que realiza a recuperação do asfalto e teria sido atropelado por um colega de trabalho.

De acordo com informações preliminares da Polícia Militar Rodoviária, o chamado para atendimento à ocorrência foi feito por volta das 12h30. O atropelamento aconteceu no quilômetro 548,3 da pista leste, sentido a Araçatuba.

A informação passada era de que o funcionário estava atuando diretamente na pista, quando foi atropelado pelo caminhão, quando o motorista engatou marcha a ré.

O corpo permanecia no local pouco depois das 14h30, aguardando a realização de perícia. A área estava preservada por policiais militares rodoviários e funcionários da concessionária Via Rondon. 

Sinal sonoro

Segundo o que foi informado no boletim de ocorrência, um representante da empresa que presta serviço para a concessionária acompanhou o registro da ocorrência.

A informação passada foi de que a vítima estava com protetor auricular e provavelmente não ouviu o sinal sonoro da ré do caminhão. Ainda de acordo com o que foi informado, o caminhão era conduzido por um motorista de 45 anos, residente no mesmo condomínio de apartamentos em Araçatuba, e não teria visto a vítima pelo retrovisor.

Após a conclusão da perícia, o corpo foi encaminhado ao IML (Instituto Médico Legal) para realização de exame necroscópico.

Caminhão

A empresa RCE entrou em contato com a reportagem e informou que o atropelamento ocorrido na tarde desta sexta-feira não tem nenhuma relação com o veículo da empresa, conforme a foto que havia sido utilizada para ilustrar a essa matéria.

O caminhão utilizado na foto se envolveu em um engavetamento com quatro veículos na segunda-feira (18), entre Araçatuba e Birigui, mas não tem relação com a obra realizada na rodovia Marechal Rondon.

“O fato, é que o veículo da foto, nos pertence, porém, não temos nenhuma relação com o acidente ocorrido, nem com o funcionário lamentavelmente falecido, assim como, não trabalhamos com recuperação de asfalto”, esclarece a nota.

Mais Lidas