Connect with us

Geral

Estrangeiro é preso em SP por prestar serviços de mergulhador e colocar drogas em cascos de navios

Publicado

em

Um homem de 34 anos, de nacionalidade espanhola e que estava foragido da Justiça foi capturado na manhã desta terça-feira (11) no bairro Sítio Conceiçãozinha, em Guarujá, no litoral de São Paulo, por suspeita de tráfico de drogas. A prisão foi realizada por policiais da 2ª Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes (Dise) da Deic do Deinter-6.

Segundo a polícia, o estrangeiro é o principal responsável pela fixação de uma carga de cocaína de 890 kg em cascos de navios fundeados na Baía de Vitória, no Espírito Santo, em dezembro de 2021.

Conforme a Polícia Civil, ele foi localizado durante investigações sobre o tráfico de drogas na Baixada Santista. Uma equipe realizava ações de campo quando conseguiu descobrir que um carregamento de drogas poderia ser embarcado em um navio, na Margem Direita do Porto de Santos, no bairro Sítio Conceiçãozinha.

Os investigadores foram até o local e observaram à distância, até conseguirem avistar dois homens em atitude suspeita, carregando uma mochila. As autoridades decidiram realizar a abordagem, mas os suspeitos fugiram em sentidos diferentes. Porém, os policiais civis conseguiram deter um deles.

De acordo com a polícia, em pesquisa, foi verificado que o homem, que era estrangeiro, era procurado pela Justiça, após investigações da Polícia Federal. Em contato com a PF em Santos e Vila Velha (ES), foi confirmado o pedido de prisão preventiva dele, após a realização da Operação Morgan, deflagrada por ambas as unidades federais.

Durante essa operação, foram apreendidos celulares, computadores, anotações e outros objetos de interesse da investigação. Em Vitória, foi apreendida uma lancha utilizada pelo grupo.

Segundo os policiais federais, o suspeito prestava serviços de mergulhador, colocando drogas em cascos de embarcações que iriam para a Europa, e integrava uma organização criminosa.

Ele foi conduzido à unidade policial, e após o registro da captura, o homem foi encaminhado à cadeia, onde permanece à disposição da Justiça.

Operação Morgan foi realizada em 6 de janeiro deste ano — Foto: Divulgação/PF

Mais Lidas