Connect with us

Cidades

Pacaembuense deixa o futebol baiano e acerta com a Ponte Preta para ser observador técnico

Publicado

em


O pacaembuense Ivo Sechi que estava com projeto no futebol baiano onde estava desde dezembro e chegou a assumir o time do Unirb Futebol Clube do interior de Alagoinha, após um convite e proposta dos dirigentes da Ponte Preta, optou por trocar o projeto do futebol baiano e retornar ao futebol Paulista.

OBSERVADOR TÉCNICO

Sechi recebeu o convite dos dirigentes campineiro para ser observado técnico, cargo este que estava desativado nos últimos anos na Ponte Preta.

OUTRAS FUNÇÕES

Secchi já desempenhou várias funções dentro dos clubes campineiro como coordenador de futebol, preparador físico, auxiliar técnico e treinador.

AUXILIAR DE VADÃO

Sechi trabalhou como auxiliar técnico com o saudoso Osvaldo Álvares “Vadão”, nas equipes do Atlético-PR, São Paulo F.C., Corinthians, Guarani de Campinas e Ponte Preta.

TREINADOR

Após o aprendizado que rendeu a experiência, Sechi deixou de ser auxiliar e seguiu novos caminhos em sua carreira se tornando técnico onde comandou as seguintes equipes: Cianorte PR, União Barbarense, Rio Branco de Americana, Monte Azul, Cene-MS, Paranavaí, Olímpia, Taubaté, Noroeste de Bauru, Guaratinguetá, CSA, Mirassol, Juventus, Itapirense, Coreia do Sul, Primavera de Indaiatuba e muitos outros.

AUXILIAR

Sechi foi auxiliar técnico no XV de Piracicaba e Atibaia.

A E. ARAÇATUBA.

Sechi iniciou sua trajetória no futebol como preparador físico na A.E. Araçatuba.


Mais Lidas