Obras de ampliação do ESF no bairro Guaraniúva devem ser retomadas nos próximos dias

As obras de ampliação do prédio da Estratégia da Saúde da Família (ESF) do bairro Guaraniúva, estão paralisadas há mais de 60 dias.

Questionada pela paralisação, a Prefeitura esclareceu que a empresa contratada para executar os serviços, solicitou a paralisação da obra alegando problemas fiscais.

Segundo o Departamento de Engenharia da Prefeitura, a empresa já estaria providenciando a regularização da documentação para a retomada da obra.

Ainda de acordo com a Prefeitura, com base em informações cedidas pela empresa, acredita que os trabalhos devem ser retomados já neste mês de fevereiro.

Segundo o Departamento de Engenharia da Prefeitura, para a conclusão da obra, ainda é necessária a implantação da cobertura da nova construção, além da instalação de esquadrias (portas e janelas), rede elétrica e hidráulica e a realização da pintura.

A unidade atualmente conta com 314,52 m² de área construída, quando do final das obras, irá perfazer um total de 476 m². A área de ampliação totalizará 161 m².

Conforme o projeto elaborado pela Prefeitura, o novo espaço que está sendo edificado nos fundos da unidade, contará com 12 novas salas que abrigarão consultórios, rouparia, sala de reuniões, lavanderia e sala de expurgo.

A construção está sendo viabilizada através de uma verba, no valor de R$ 160 mil, viabilizada através de recursos federais, por meio de emenda parlamentar do deputado federal Carlos Zaratini, pleiteada pela vereadora Luzia Vecchiatti e a Prefeitura entrou com uma contrapartida de R$ 22 mil, o que totalizaria R$ 182 mil de custo total das obras de ampliação do ESF.

MAIS NOTICIAS
Carregue mais